sexta-feira, 24 maio, 2024
HomeArte & CulturaSUA TEIMOSIA É Lamentável !

SUA TEIMOSIA É Lamentável !

“Água mole em pedra dura, bate, bate, até que fura”

Cento e três anos aproximadamente, avisando e construindo, construindo e avisando, incansavelmente.

Amorosamente falava ao povo rude, ignorante e desconhecedor das coisas que não estivessem acessíveis aos cincos sentidos da matéria compacta, denominada de corpo material.

Diferente do Noé, um homem acessível a vontade do Deus, Criador dos Céus e da Terra, recebia DELE orientação de como caminhar, de como proceder em relação aos avisos e advertências a serem compartilhadas com o povo a mando de Deus.

Falava com Deus com intimidade, recebeu de Deus, assim como Moisés, as ordens para construir a “ARCA e o TABERNÁCULO”, respectivamente cada qual, ao seu tempo.

Naquelas épocas longínquas, Deus sempre falava com o seu povo ou através de verdadeiros Profetas ou diretamente com aqueles a quem escolhia com grandes Missões, como foi com Abrahão, com Enoque, com Noé, com Moises, com Davi, com Maria, com Jesus e assim por diante.

Com certeza quase toda a história da humanidade nos tem sido contada de geração em geração.

Infelizmente nossa natureza humana é muito forte ainda, prevalece em nós a maldade, a intolerância, a corrupção, a inveja, os excessos de toda a natureza, essas faltas nos impedem de evoluir, de avançar no Reino Espiritual, lá, além do Sol, muito além do Sol, onde brilha a Sede de todo Comando, O Trono do Deus Altíssimo.

Em alguns artigos meus anteriores, tive oportunidades várias de abordar temas semelhantes a advertências para esse século, contudo, não creio que tenha alcançado seus objetivos, quais sejam; nos empurrar para fora da terrível Matrix que mantém a mente dessa geração cauterizada, anestesiada, incapaz de maiores raciocínio, qualquer esforço mental por menor que seja, advém um cansaço inexplicável para a maioria…

Só aceitamos as verdades que a Bíblia nos explica em seus 66 livros, isso é correto, não podemos mudar uma virgula do Livro Sagrado, contudo, ninguém se interessa em saber quem foram os habitantes dos antigos Impérios que dominavam o mundo de nossos ancestrais, de onde eles vieram, porque com certeza suas tecnologias e conhecimentos, não deveriam ultrapassar os nossos, desse século que vivemos, século XXI, até o homem já pisou o solo lunar.

Porém, contra fatos, não há argumentos, como se explica a rudez de um povo, construir as Pirâmides do Egito, com toda sua complexidade, dimensão, as pirâmides dos Maias, e de tantas outras regiões, sendo rudimentares, a maioria nem mesmo sabia ler e nem escrever?

Construir Palácios suntuosos no mais puro luxo, Jardins suspensos, intitulado a sétima maravilha do mundo?

O que dizer acerca da física, biologia, medicina, astronomia, filosofia, matemática e assim por diante, sem Universidades ou Faculdades, e com relação aos mapas astrais, os mapas usados pela navegação marítima sem que dispusessem de instrumentação necessária para tais feitos?

O que dizer da beleza e da administração de Atlântida e do Império Romano, por um longo tempo, o mais forte, o mais poderoso e belo de todo Império? Quem eram eles, de onde vieram e porque eram seres superiores aos demais existentes a época?

O que dizer dos Anunnakis, existiram ou não? Anunnakis em Sumério, significa “Aqueles que desceram do Céu”, os seus retratos foram deixados desenhados nas cavernas ao longo do Oriente Médio e seus Países circunvizinhos, começando pelos Sumérios, pelos Babilônicos, como desenhar o que nunca se viu?

Como desenhar gravado em pedras, seres diferentes de nós vestindo trajes que somente nesse século foi inventado pela NASA e usados pelos Astronautas modernos?

Assuntos dessa complexidade dentre outros, nos convida a meditar, a explorar, a compreender a advertência de Jesus quando em certa ocasião se expressou: “Ainda tenho outras verdades, mas por hora, não podeis suportar”.  Seria essas verdades por exemplo algo dessa natureza e que com certeza aquela geração não podia compreender, como também essa geração não está preparada para tantas outras verdades, ainda?

Permanecendo dentro dessa bolha que contamina e reduz o conhecimento, sendo, por conseguinte apropriado a expressão em relação a nós outro:

“Tudo aquilo que o homem ignora, não existe para ele. Por isso o universo de cada um, se resume no tamanho de seu saber” – Albert Einstein”.

Acerca das evidências, que teimamos em não observar, em não aceitar, felizmente elas existiram e existem independentemente de nossos pareceres ou conceitos. Na verdade, o que acreditamos ou deixamos de acreditar não muda o curso da história, seria o mesmo que dizer que o sol é quadrado, e aí, ele não deixará de cumprir com o seu propósito, ele é como é, e ponto final.

O que me chama a atenção verdadeiramente é a nossa infância espiritual, ainda somos mesmo nesse século tão criança que não nos apercebemos que vivemos não no Universo, mas, num Multiverso, pois esse está e continuará em expansão por toda a Eternidade, novas Galáxias, novos Planetas, novos espíritos, nascem, crescem e progridem pelos Multiversos afora, infinitamente, eternamente, assim é o nosso Deus, que Jesus confirma ao dizer: “Meu Pai trabalha até hoje, e eu também”, isso é eternidade.

O que me chama a atenção nessa minha fome e sede de conhecimentos, é que a mim parece simples o que a Bíblia ensina em seus 66 livros, divididos em 39 no Velho Testamento e 27 no Novo Testamento, todos apontando para Cristo, o Messias.

O Primeiro Livro chama-se Genesis, ou Alfa, o principio e o último Livro Apocalipse, ou o Ômega final.

O primeiro livro é composto por cinco livros escritos por Moisés, também conhecido como Pentateuco, são eles; Gênesis – Êxodo – Levítico -Números e Deuteronômios. A Bíblia contem a mente de Deus e seus preceitos justos, a Palavra é imutável e Inerrante.

Quem pratica o que ela ensina, é sábio. Ela é a espada do soldado, a Luz do Cristão.

Através dela o Paraiso vem sendo restaurado, daí que a Glória da segunda Casa, será maior do que a primeira, porque será eterna.

Através dela e por causa dela que é a mente de Deus, janelas, portas e portões celestiais vem sendo abertos para nós, o véu que nos separava de Deus, foi rasgado de Alto abaixo naquele dia memorável nos conectando diretamente com o Criador de todas as coisas.

Não nos esqueçamos contudo que o maior tema da Bíblia é Jesus, o “ EU SOU QUEM SOU “.

A Bíblia contém 1.119 Capítulos e 31.173 Versículos.

Uma pena que a ignorância humana chegou até alguns seres no Poder e para se perpetuarem nesse poder, omitiram grandes verdades, tiveram a ousadia de deixar ou de excluir alguns livros outros que deveriam estar constando na Bíblia e toda a história da humanidade teria tomado outro rumo, porque está escrito: “Conhecereis a Verdade e a Verdade vos libertará”, e a omissão ou inverdade ditas tantas vezes quantas desejaram dizer, e excluindo o Livro de Enoque, pouco restou dentro dos 66 Livros apenas tres passagens diminutas nos lembra de Enoque, quando ele foi grandioso aos olhos de Deus..

Creio ser necessário lembrar a essa geração, que Enoque foi o único homem na face da Terra que andou com Deus 365 anos lado a lado, embora nunca tenha visto a face de Deus, fato esse confirmado entre Deus e Moises, quando disse a Moises que homem nenhuma poderia ver a sua Face.

Foi o único homem que não experimentou o processo da morte, porque o próprio Deus o chamou em vida para junto de si, razão de haver sido traslado.

Ocorre que a Religião dominante naquela época queria esconder, era o fato do perigo que Enoque representava com as suas verdades, que alias vinha do Céu, porque está escrito que nenhum homem tem ou possui coisa alguma se do Alto não lhe for permitido.

O que os responsáveis por essa religião não sabiam, não imaginava, é que estava próximo, bem próximo do que aquilo que estava coberto, escondido nas dobras do tempo, viesse a ser descoberto. Me refiro ao achado nas Cavernas do Mar Morto, os milenares pergaminhos e papiros, e entre eles os cinco volumes do livro de Enoque, sua experiencia com Deus, e sua estada em sete Planetas além do céu visível, aprendendo, estudando, enriquecendo de conhecimentos por cerca de 100 anos.

Conviveu com raças diferentes da nossa, comunicava-se com clareza através da telepatia, que é a comunicação entre mentes, sem a ajuda das cordas vocais, sem que haja necessidade de abrir a boca e falar e que inclusive ainda hoje, nessa geração, com raríssima exceção, encontramos quem assim se comunique, pelo poder do olhar e ou pelo poder da mente…

Esses fatos acima narrados, só corroboram com a afirmação de Jesus: “ Na casa de meu Pai há muitas moradas”, quais sejam, as Galáxias com seus trilhões e trilhões de Planetas, todos de um modo ou de outro habitáveis, vivos, porque Deus, é Deus dos Vivos, toda a sua Criação possui Vida e Vida em abundância, se não podemos entender, compreender essas coisas, está explicado por Jesus no dialogo com Nicodemos ao dizer assim:  “Tu és mestre de Israel, e não sabes isto?

Na verdade, na verdade te digo que nós dizemos o que sabemos, e testificamos o que vimos; e não aceitais o nosso testemunho.

Se vos falei de coisas terrestres, e não crestes, como crereis, se vos falar das celestiais?

Volto a repetir tantas vezes quantas sejam necessárias. “CONTRA FATOS, NÃO HÁ ARGUMENTOS “, como um povo, selvagem, rude, poderia gravar nas pedras no interior das cavernas em que habitavam, se nunca houvesse ao menos visualizados essas figuras?

Estas e outras verdades que com certeza não interessava ensinar e ou explicar a plebe por causa do grande prejuízo que causaria aos seus Impérios que embora gigantescos, eram passageiros, porque também está escrito; “Que na Terra tudo passará, menos as minhas Palavras, essas não hão de passar” – Jesus.

E assim foi que excluíram para nós as verdades contidas nos cinco livros de Enoque, considerados por essa geração, como sendo Apócrifos, Resumiram 365 anos de vida, de um homem amado por Deus, em apenas três passagens minutas registradas nos Livro de Judas, Hebreus e 2º Pedro.

É público e notório que o Progresso é uma Lei Natural, logo, é divina, é eterna, e sendo assim, no mundo espiritual não há regresso, ou se estaciona ou evolui, basta olhar quem erámos nós a dez ou doze mil anos atrás, a raça humana em sua forma mais primitiva, e hoje, somos o que somos…

O que esse exemplo acima quer dizer? quer nos dizer que um dia, um dia, haveremos de evoluir e compreender todas as coisas, conforme a Palavra do Senhor quando nos garante que nada ficará encoberto que não venha a ser revelado, tudo ao seu tempo evidentemente.

As vezes penso em parar de escrever, de insistir no compartilhar de certos artigos, cujos valores, ainda permanecem insignificantes para muitos.

No entanto, algo dentro de mim grita com veemência para continuar inspirando-me a sonhar com dias melhores.

Algum gatilho dispara independente a minha vontade lembrando o que registrei da minha adolescência, ora em uso na minha velhice a saber:
“Água mole em pedra dura, bate, bate, até que fura”.

Dessa máxima acima, resultou o que perdura até hoje; uma fome e sede de conhecimento que me empurra para frente, para o alto, buscando no empíreo a luz da perfeição, que é Cristo Jesus e seus ensinamentos e revelações de sua promessa, as outras verdades prometidas…

Noé avisou ao Povo acerca do Diluvio, por 103 anos, até que aconteceu.

Jesus avisa ao Povo o seu retorno a 2.000 anos, quem viver, verá…

Miranez Matias do Vale-Pastor – Capelão – Teólogo-Jornalista MTBNº3239 PA/PB

Isaias Dutra
Jornalista Isaias Dutra e editor Chefe do Gazzeta Paulista
Artigos Relacioanados

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisment -spot_img

Mais Lidos

Comentários Recentes